Literatura

Sombrio, Luke Delaney (D.I. Sean Corrigan #2)

Sombrio é o segundo livro da série Det. Sean Corrigan, escrita por Luke Delaney um ex-policial que caçava serial killers na época que não era um civil, por este fato, como já escrevi na resenha sobre o primeiro volume, há muita credibilidade no que diz respeito a vida de um policial, seja nos dramas pessoais, decisões difíceis que devem ser realizadas para a resolução de um caso ou a pressão de superiores para que não tenha mais uma vítima encontrada nas sarjetas de Londres.

Sombrio, Luke Delaney

Juntando as duas obras, Brutal e Sombrio, a estrutura lembra muito séries policiais caracterizada pelo “caso do dia”, no qual a história de um episódio não tem muito correlação com a história do episódio anterior quando se trata do cotidiano de trabalho. Porém, ressoa um pouco em Sombrio alguns dos acontecimentos mais dramáticos ocorridos em Brutal, principalmente na vida de Sally, que foi quase morta no livro anterior e que ficou traumatizada, sendo incapaz de desempenhar algumas funções como detetive. Seus colegas de trabalho percebem isto e tentam “protegê-la” de si mesmo. Tratando-se disto, nota-se que o desequilíbrio mental de um membro da polícia pode afetar todos os outros ao seu redor instaurando um medo generalizado.

A história foca no desaparecimento de Louise Russel , uma mulher que pretende começar uma família com o seu marido quando é raptada por Thomas Keller, um homem desequilibrado que pretende encontrar em outras mulheres a mulher que sempre amou, Sam. Um dos pontos mais fundamentais é a necessidade de que a mulher raptada seja “idêntica” fisicamente com Sam. O perfil psicológico de Thomas Keller é totalmente diferente do assassino de Brutal, um nato predador que tem a necessidade fugaz de matar. Thomas foi em toda a sua vida um garoto desequilibrado que foi abandonado pelos pais, sofreu bullying em toda a sua infância e abusado por um dos seus professores, todos estes fatores criaram uma criatura invisível a sociedade, mas continua sendo alvo de chacota das pessoas ao seu redor por ter uma personalidade aparentemente frágil, o que em sua mente é totalmente diferente, já que tem o intuito de fazer todos ao seu redor sofrerem como ele sofreu. Sam foi a única pessoa a tratar Keller de maneira cordial e por isto ele tenta incessantemente preencher esta lacuna em sua vida.

Tratando-se da força policial vemos uma Sally quebrada e um Sean que, por sofrer uma pressão pessoal de encontrar Thomas antes que ele faça mais uma nova vítima, está mais próximo das suas raízes fundamentadas na maldade, o levando cometer atos de irracionalidade para mostrar poder e subjugar aqueles que aos seus olhos são culpados, o que vai totalmente fora dos seus preceitos como pessoa e como policial, e eventualmente o deixando mau. Há uma introdução de uma nova personagem, a psicóloga forense Anna Raveni-Ceron, que foi incumbida de ajudar Sean no seu caso, porém por debaixo dos panos ela é mandada pelos superiores de Sean para traçar um perfil psicológico dele. Por não ser um policial, ela já é colocada um pouco de fora da investigação mesmo sendo contra a sua vontade, outro fator que intensificou isto foi o fato de ela dar o prognóstico do assassino do livro anterior de ser um louco incapaz de ter a responsabilidade de seus atos, o que trouxe indignação a Sean e seus amigos, já que o assassino quase matou Sally.

Sombrio continua excepcional na qualidade de escrita que já é pregada em Brutal, porém a figura de Thomas Keller não foi tão excepcional quanto James Helier, mas é notável que Luke Delaney consegue facilmente desenvolver bem assassinos com diversos perfis psicológicos dando uma excelência maior ao escritor, deixando-no numa boa colocação como um dos melhores escritores de romances policiais. Com isto, Sombrio é um ótimo livro com uma qualidade superior a séries de TV e a filmes por dar uma experiência mais real do cotidiano policial e por ter personagens com personalidades fortes e memoráveis.

informações

Cortesia da editora para resenha.
Título: Sombrio
Autor: Luke Delaney
Tradução: Márcia Arpin
Número de Páginas: 464
Edição: 2016
ISBN: 978-85-68432-47-1
Editora: Fábrica231
Preço: R$ 49,50
Classificação: ★★★★☆

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply
    Kemmy
    16/06/2016 at 7:43 pm

    Hey!
    Eu li Brutal no ano passado e até o fim eu estava meio “assim” com ele. Achei uma leitura meio arrastada. O final foi surpreendente, confesso, mas não sei se um dia vou reler.
    Sombrio me pareceu interessante por conta do perfil do assassino, mas por conta dessa experiência não tão boa com o primeiro livro, é provável que eu nunca leia a continuação.
    A escrita do autor não me prendeu, não sei.
    Beijos!
    Kemmy recently posted..Um toque de morte – Luiza Salazar {Resenha Literária}My Profile

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge