Cinema

Os Vingadores: Era de Ultron (2015)

Por Sam e Ells

Depois de um filme tão incrível quanto Capitão América 2, não tem mais como a Marvel desapontar, certo? Bem…

Após se unirem de novo para uma missão, os Vingadores lidam com uma nova ameaça criada por eles mesmos. Tony Stark e Bruce Banner começam a trabalhar juntos em um programa que procura manter a paz a partir de robôs “protetores” que possuem consciência artificial. Porém, a invenção não gera os resultados esperados quando o programa, chamado Ultron, usa dessa consciência para ter acesso à dados e formar ódio contra os Vingadores, tomando como sua missão destruí-los.

Desde o lançamento do primeiro trailer, era de se esperar uma construção boa dos personagens, mas o roteiro não demonstrou muita preocupação em desenvolvê-los da forma que poderia ter feito para definir um fechamento mais marcante da Fase 2 da MCU (Marvel Cinematic Universe). Os diálogos são divertidos, criam uma dinâmica boa e a mesma química do primeiro filme ainda está lá, mas não vai muito além disso. No fim, temos um romance espontâneo, desnecessário e sem fundamento entre Bruce e Natasha, e um desperdício na oportunidade de estabelecer uma base para a Guerra Civil, próximo filme do Capitão América.

Uma coisa que não deveria ser ignorada sobre o longa é que esse é quase o fim da Fase 2 da Marvel, e, ainda assim, pouca coisa realmente relevante para o universo acontece nele. Da mesma forma que muita informação é jogada na tela, no fim da história dá pra contar nos dedos o que faz diferença. E, gente, É O PENÚLTIMO DA FASE 2! Se Capitão América 2 conseguiu chutar a noção de que esses filmes só são diversão pipoca sem cérebro, Era de Ultron parece ter vindo pra reforçar que na verdade pensar assistindo é irrelevante. É divertido ver os heróis mais poderosos da Terra resolvendo as coisas de formas mirabolantes do nada? Sim. Dá saudade do que os irmãos Russo construíram em Soldado Invernal? Sim.

Algumas das melhores partes do filme são, sem dúvidas, as cenas de ação. A criatividade para criar novas formas de unir aqueles indivíduos em cenários de luta merece ser ressaltada, usando as habilidades e equipamentos dos heróis de forma interessantíssima e tornando a dinâmica entre os Vingadores linda de se ver.

Três portas pra Fase 2 foram abertas durante o longa, pelo menos. Feiticeira Escarlate, Mercúrio e Visão trazem grande parte da singularidade do filme, inovando um pouco sua essência com novas histórias pra conhecer. Visão é com certeza uma das melhores adições ao grupo, tem ótimas falas e despertou vontade de vê-lo nos outros filmes; no entanto, os gêmeos não foram aproveitados ao máximo, foi difícil realmente se importar com eles, funcionou como uma introdução de seus personagens, mas é importante criar um desenvolvimento melhor posteriormente.

Nesse ponto da vida é claro que os atores estão bem confortáveis em seus papéis. Então resta destacar Scarlett Johansson, que apesar de tudo consegue aproveitar a trama inútil a que foi reduzida, os novatos Elizabeth Olsen e Aaron Taylor-Johnson, Don Cheadle, Anthony Mackie e Chris Hemsworth apesar do pouquíssimo tempo de tela que tiveram, e ver Paul Bettany enfim ganhando um trabalho de maior destaque no universo Marvel é maravilhoso. O trabalho de James Spader como a voz de Ultron também elevou o nível do antagonista, não só dos Vingadores, mas todos os vilões já criados pela Marvel. Sua voz impactante e carismática ajudou na crianção de um personagem marcante, divertido e sombrio, no meio de uma piada ou fala irônica, ainda era perceptível o qual cruel ele poderia ser.

“In a world this vulnerable, we need something more powerful than any of us.” – Tony Stark

Ok, nós sabemos que talvez tenhamos soado um pouco rígidas. Entretanto, ninguém gosta quando algo evolui para voltar à normalidade dois segundos depois, e não somos diferentes. Era de Ultron contou com bons elementos, e, é claro, tem os Vingadores, e conta com piadinhas e a tentativa de emular a fórmula do primeiro filme em uma versão com maiores consequências que funciona para passar o tempo. Foi divertido pelo menos, né? Só faltou a realização do quão importante de fato esse longa deveria ter sido para o Universo Marvel e um trabalho maior nisso. Talvez em Guerra Civil isso aconteça enfim. Talvez. O negócio é não criar expectativas tão gigantes depois de um primeiro trailer tão fantástico, porque dessa vez o filme não sustentou o que o trailer tinha. Uma pena.

ficha técnica

Título original: Avengers: Age of Ultron
Direção: Joss Whedon
Elenco: Chris Evans, Scarlett Johansson, Robert Downey Jr, Mark Ruffalo, Chris Hemsworth, Jeremy Renner, James Spader, Samuel L. Jackson, Don Cheadle, Aaron Taylor-Johnson, Elizabeth Olsen
Roteiro: Joss Whedon
Trilha sonora: Danny Elfman, Brian Tyler
Duração: 141 min.
País: EUA
Gênero: Ação, Aventura, Sci-fi
Trailer: (x)
Classificação: ★★★½☆

 

Postagens Relacionadas:

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply
    Ana Paula
    May 2, 2015 at 11:21 am

    Meninas, um detalhe: este ñ é o último filme da fase 2! O último será o Homem-Formiga que será lançado em julho. Uma espécie de epílogo, se não estou enganada sobre as declarações do Feige.

    Agora sobre a crítica, eu concordo na maior parte. Eu daria uma nota maior simplesmente pela sensação que o filme dá de estar lendo uma história em quadrinhos ganhando vida – Whedon é bom nisso.
    Achei o filme muito corrido, e as “one-liners” chegaram em um ponto que conseguiram me incomodar!
    Mas eu ainda coloco ele la nos meus top 5 filmes favoritos da Marvel, e depois de ter assistido novamente o considero melhor que o primeiro.

    Bom post!

    • Reply
      Sam
      May 14, 2015 at 8:35 pm

      Oi, Ana! Obrigada pela correção, ajeitamos o post de acordo (boatos de que Ant Man anda tão pouco falado que a gente acabou esquecendo shhhhh).

      O filme foi meio corrido mesmo, talvez pelo excesso de informação? É coisa demais. Particularmente continuo gostando mais do primeiro por ser bem mais divertido, mas posso entender a razão dele entrar pro seu top hahaha

      Obrigada pelo comentário! <3

    Leave a Reply

    CommentLuv badge