Coluna

Novas séries: o tempo de se apaixonar #5

É aquela bela época do ano em que muitas novas séries chegam em nossas vidas e nossa equipe está aqui para dificultar sua vida te falando o que fez a gente morrer de amores – e mais que isso: te convencer a morrer de amores também.

novas séries

Marco Polo

Marco Polo é a nova produção original do Netflix, baseado nos relatos da vida do explorador veneziano durante sua estadia na corte de Kublai Khan. Talvez não pareça assim tão emocionante no começo, já que a declarada fórmula adquirida por Game Of Thrones é jogada bem explicitamente. Um império com intrigas, traições e várias tensões sexuais. Mas a surpresa reside justamente ai, uma vez que as histórias orientais não são tão apresentadas para nós. Sabemos sobre Marco Polo e como sairá “ileso” do império mongol, mas a corte de Kublai e todos seus mistérios continuam desconhecidos. Os figurinos são extremamente bem feitos e o elenco está livre de atores norte-americanos, mas com nomes conhecidos como Benedict Wong (Sunshine – Alerta Solar, Joan Chen (Twin Peaks), Chin Han (Batman – O Cavaleiro das Trevas) e Amr Waked (Syriana). A temporada completa conta com 10 episódios, todos já liberados pelo Netflix. Ps: se você ainda não está convencido a assistir eu só lhe digo cinco coisas: Imperatriz Chabi e Mei Lin.

Empire

Dois minutos. Foi o que levou para se apaixonar por Empire, a grande aposta da FOX. Agora que Glee se foi, o espaço dos musicais estava aberto e Lee Daniels tinha a ideia perfeita para preenchê-lo. Surpreendentemente, não são os personagens dos primeiros minutos que fazem o telespectador ficar com o show até o final. A dona da bagaça toda é Cookie Lyon (Taraji P. Hensen), mãe dos três rapazes brilhantes – seja na música, seja nos negócios – que estão gladiando pela empresa do pai. Ela deixa todo mundo no chinelo. Mesmo se o resto do elenco não fosse brilhante e a escrita não fosse brilhante e as músicas não fossem brilhantes, você assistiria só por ela. Empire quebrou records de audiência nos EUA e ainda não tem data de estréia no Brasil, mas é bom ficar de olho.

Mozart In The Jungle

holding-mozart-in-the-jungle-gael-garcia-bernal

Apenas duas coisas: Gael García Bernal e música clássica. Se você não gosta de nenhum dos dois, I’m really sorry for you. Mozart In The Jungle é uma dramédia da Amazon com 8 episódios de no máximo 25 minutos (why so little? 3), que mostra a história do excêntrico e prodígio novo maestro da Orquestra Sinfônica de Nova Iorque, Rodrigo de Souza (Bernal). No meio das desavenças de Rodrigo entre seus métodos e as normas da Orquestra, existem várias outras história interligadas aparecendo, como a da oboísta Hailey (cof cof Ha-Ley) que sonha em tocar na Orquestra. Além do Sr. Bernal, o elenco também conta com Malcolm McDowell (Laranja Mecânica) e Saffron Burrows (Tróia). Na lista de seus criadores, produtores e roteiristas contam nomes como Roman Coppola e Jason Schwartzman.

Black-ish

É uma boa época para a representação de pessoas de cor na TV. Engraçada e tirando uma com todas as situações típicas de racismo que vemos por aí, a família bem sucedida do Johnsons garante muitas risadas e a mesma quantidade de reflexões. Leva poucos minutos para se apaixonar pela série e menos ainda para você saber que essa série vai quebrar barreiras do jeito que Um Maluco no Pedaço quebrou. Ainda sem previsão de estréia no Brasil, é bom ficar de olho quando ela finalmente chegar por aqui.

Dominion

screen0015

Quem não gosta de quando os bonzinhos acabam sendo os vilões, não é mesmo? Dominion é uma série do Syfy derivada do filme Legião, de 2010, em que, 25 anos após o início da guerra de Gabriel contra os humanos, cidades fortificadas protegem os humanos restantes e junto deles o Escolhido. É recomendável que se assista o filme para entender algumas coisas, mas no pilot existe uma rápida explicação dos acontecimentos sobre o Escolhido, o Arcanjo Miguel e o Arcanjo Gabriel, seguindo assim a linha do tempo até a ascensão no novo salvador da humanidade e seus desafios, desde de intrigas políticas até batalhas angélicas. Sua temporada conta com oito episódios e o SyFy já anunciou sua renovação. No elenco nomes como Anthony Head (A Dama de Ferro), Christopher Egan (Cartas Para Julieta) e Tom Wisdom (300).

Galavant

rhXFfmyRSFegzUkZeBvd_wpid-galavant_abc_first_look

 

Galavant foi, de certa forma, uma surpresa. Realizada para preencher o vácuo na programação da ABC durante o hiatus de Once Upon a Time, a série de apenas 8 episódios bem curtinhos se vale de uma comédia às vezes um tanto inocente, às vezes um tanto sombria, mas tudo com um bom alto astral e ritmo. Muitas das situações são apresentadas com músicas e os próprios personagens ironizam isso sempre que podem. E, ah, o que fazer quando o presumido vilão da história, o King Richard, se torna o seu amorzinho, porque afinal ele é, realmente, alguém que sofre de uma carência crônica e se mostra alguém com um ótimo coração (e um jeito bem awkward de se comportar)? Bem, aí é se deixar apaixonar mesmo e acompanhar os ótimos tweets do Timothy Omundson (Psych e Supernatural) e torcer pela renovação!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

CommentLuv badge