Literatura

Lições de Amor (Garota <3 Garoto #4), Ali Cronin

Será que era fisicamente impossível que eu gostasse de uma pessoa real? Eu podia passar semanas apaixonada pelo personagem de um filme, mas na vida real, nada. Era como se me faltasse um gene. O gene do amor.

Quem imaginaria que o livro da personagem mais apagada de todas fosse acabar sendo o melhor?

Donna sabe que tem talento, e sonha em seguir na carreira de atriz. Mas ela precisa enfrentar um sério obstáculo para conseguir entrar na faculdade de teatro: as provas de inglês. Sentindo que será reprovada na matéria que mais precisa passar, Donna resolve contratar um professor particular. Ela só não esperava que o universitário Will Browning fosse tão fofo e tivesse olhos tão lindos. E em meio a discussões sobre Romeu e Julieta, a moça percebe que Will parece gostar dela… Entretanto, Donna possui cicatrizes profundas desde a última vez que se abriu para um garoto. Deveria ela manter os escudos que blindam seu coração ou será que é a hora de arriscar viver uma história de amor?

Sei que me repito bastante ao falar dessa série, então já digo: a narrativa continua fluida e não muito detalhada, tornando a leitura rápida e prazerosa. A impressão de ser uma “fanfic mal escrita” ainda dá as caras nas partes mais chatinhas, também, mas nada absurdo.

A coisa sobre essa série é que fácil para o leitor se ver em certas características ou situações em que os personagens se encontram. E, pelo menos pra mim, Donna foi a mais identificável de todas – compreendi seus medos e ações sem precisar pensar sobre eles. O que é engraçado, já que durante os três primeiros livros achava que ela fosse apenas uma adição para ter uma “louca” como Ashley. Foi uma boa surpresa, então, que a mais “parecida” comigo seja a que eu mal reparava.

Eu não era boa em compartilhar. Fazia anos que Ashley era minha melhor amiga, mas ainda havia coisas que eu nunca tinha contado para ela. Era impossível não concluir que… talvez fosse o fim da linha? Estava destinada a ficar eternamente solteira, morando sozinha com um bando de gatos.

Sendo esse o quarto volume, é seguro dizer que já sei como a trama funciona. Dois dramas são apresentados durante a narrativa: o principal, que é resolvido ao longo da história, e um maior do que o primeiro que acaba em três capítulos e é um saco. Já saber disso facilita bastante aguentar as partes mais meh, e talvez por essa razão gostei mais desse do que dos anteriores.

A melhor coisa de Lições é sua protagonista. Donna sabe quem é, mesmo que ninguém mais a conheça de verdade, e entende que a máscara que tanto odeia usar é necessária. Seus medos acerca de relacionamentos amorosos fazem perfeito sentido, e suas interações com sua família são bem bacanas. Apesar de seus diálogos com Will soarem um pouco artificiais, os dois são ótimos juntos.

Então é isso: a nota continua a mesma dos dois primeiros livros, mas Lições de Amor é sem dúvidas o melhor da série até agora. O próximo, A Garota Certa, se focará em Ollie, e espero que finalmente resolvam sua situação com Sarah porque já enrolaram o suficiente. Mal posso esperar pra ler, aham.

Todos achavam que eu era uma garota superfeliz e de bem com a vida. Sabe, ninguém é totalmente sincero – todos nós nos inventamos um pouco. Mas, na verdade, eu não era totalmente descontraída. Na verdade, eu me preocupava o tempo todo. Me preocupava com a possibilidade de não passar nos exames. E com a possibilidade de não dar certo como atriz e ter que viver uma vida amarga, distorcida e com um emprego horroroso. Me preocupava com a possibilidade de nunca me apaixonar. E com a possibilidade de ninguém se apaixonar por mim. E receava que, se algum dia eu me apaixonasse, e por milagre a pessoa também se apaixonasse por mim, a relação não iria durar.

informações

 

Cortesia para resenha.
Título: Lições de Amor
Autor: Ali Cronin
Tradutor: Rita Sussekind
Número de Páginas: 296
Edição: 1 – 2014
ISBN: 9788565765213
Editora: Seguinte (Twitter | Fanpage)
Preço: R$29,90
Classificação: ★★★½☆

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply
    Victória Santana
    17/04/2014 at 6:27 am

    Haha, espero que esse seja melhor que os outros mesmos, pelo menos, um pouco menos chato.Gosto da ideia de um professor particular… kkk
    Ótima resenha.

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge