Literatura

Gataca (Franck Sharko #2), Franck Thilliez

Após os acontecimentos dramáticos do livro A síndrome [E], no qual levou os investigadores Lucie Henebelle e Franck Sharko a encontrar a formação da mais pura maldade humana, Gataca é um novo desafio para a dupla que se encontra no pior estado psicológico de suas vidas, num caso de violência que remonta desde dos tempos dos homens pré-históricos e repercute até os dias de hoje, e cabe a ambos solucionar este caso que pode acabar por dizimar toda a raça humana.

gataca-franck-thilliez

No início do livro encontramos uma Lucie que se encontra fora da polícia. Ela tenta guardar o pouco que lhe resta de sanidade, já que suas filhas foram sequestradas pelo psicopata Gregory Carnot. Lucie descobre que este está nos últimos de seus dias e pretende presta-lo uma visita para tentar diminuir uma parte do seu pesar.

Devido ao complexo estado mental de Carnot, Lucie fica intrigada e é lançada numa complexa investigação, mesmo ela tendo a posição de civil, que correlaciona o perfil de psicológico de Carnot com um homem de Neanderthal, evolução, um nascimento trágico nas mãos de um impiedoso ginecologista e a figura da Fênix por trás de todo este mistério.

Em outra mão, vemos Sharko recuperado de sua esquizofrenia, porém carrega as chagas pelos acontecimentos que ocorreram às filhas de Henebelle, esta que era sua amante, logo, este saí de sua carreira privilegiada em traçar perfis psicológicos de assassinos em escritórios para voltar a trabalhar nas sangrentas ruas da França, onde acaba por ser acusado injustamente de um assassinato do homem que ele colocou atrás das grades, e ainda se depara com o assassinato de uma bióloga pelas mãos de uma doce gorila.

Assim como o livro anterior, o romance não se baseia apenas numa investigação policial, Franck Thillez consegue trazer vários conceitos de diversas áreas enriquecendo vigorosamente a obra, em Gataca transcorre temas como evolução, ginecologia, genética, biologia e antropologia. Eu acabo por aprender muitas curiosidades que saltam de vez em quando da obra.

O livro não é tão obscuro quanto o anterior, porém, elementos como o psicológico e o emocional dos personagens são fortemente destacados, e que os fatos que seguem no livro acabam por mudá-los. É também visto tons de intrigas e conspirações, também como é apresentado no livro anterior, transcorrendo durante a obra, mesmo sendo elas com os personagens próximos aos protagonistas ou pelos vilões.

Mesmo eu tendo lido num ritmo frenético, sempre querendo saber o que vinha nas próximas páginas, sabendo que novos mistérios e perguntas iriam assolar Lucie e Franck, e tendo plots twists dentro de plots twists, não fiquei tão imerso quanto o livro anterior por razões que não sei explicar, apenas sentir. De toda forma, Gataca continua tendo a maestria de concatenar constantemente nossas ideias para evitar que nosso cérebro se perca no caminho, além de apresentar uma riqueza de conteúdo e de mistérios que não vai desagradar nenhum leitor.

informações

Cortesia da editora) para resenha.
Título: Gataca (Franck Sharko #2)
Autor: Franck Thillez
Tradução: Mauro Pinheiro
Número de Páginas: 432
Edição: 2013
ISBN: 9788580573855
Editora: Intrínseca
Preço: R$29,90
Classificação: ★★★★☆

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply
    Jônatas Amaral
    28/07/2016 at 11:30 am

    Olá!
    Não conhecia o livro, mas é de um gênero que gosto muito. Não sei se já percebeu, mas os livros mais recentes sobre investigação criminal tem trazido muitos temas interessantes que enriquecem muito suas histórias e nos fazem querer saber mais sobre o tema. Recentemente li os livros “Indesejas” e “Meu primeiro assassinato” da editora Vestigio, que simplesmente me levaram a conhecer muito mais casos sobre sequestros, showbusiness, e leis de outros países.
    Achei interessante esse, mas não sei se vou adquiri-lo nos próximos meses.

    Jônatas Amaral
    alma-critica.blogspot.com.br

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge