Literatura

Faça boa arte, Neil Gaiman

Eu estava no encontro de um grupo de discussões do qual um ex-professor meu faz parte há algum tempo, e depois que as atividades foram encerradas, minhas pernas me levaram praticamente sem nenhum comando muito consciente até a área onde ficam os livros à venda… numa loja aí que eu não vou fazer propaganda de graça pra eles não. “Faça boa arte” estava disponível por um preço que considerei bem simpático, e comprei um exemplar pra mim.

“Faça boa arte” é a transcrição de um discurso do escritor Neil Gaiman pra uma turma de formandos da área de artes de uma universidade. De um jeito incrivelmente inspirador, ele compartilha um monte de orientações para aquelas pessoas que estão prestes a começar uma carreira na área de artes, e comenta sobre as prováveis dificuldades e um monte de situações que artistas enfrentam.

É meio impossível não lembrar de um discurso que a JK Rowling proferiu para uma outra turma de formandos há algum tempo, que também foi bastante motivador. É muito interessante olhar pros depoimentos dele e dela, achar os pontos em comum e as diferenças, e daí compreender as mensagens que a gente consegue adaptar pra nossa vida, mesmo que a gente não faça nada artístico. Por exemplo, Neil conta que nunca foi estudante universitário, enquanto a JK terminou a faculdade aos 21 anos; as carreiras deles tiveram inícios diferentes e trajetórias mais diferentes ainda; ambos são pessoas absurdamente criativas e com imaginações de fazer inveja a praticamente qualquer um com um mínimo de interesse por ver além do óbvio, e arrisco dizer que ambos encontram na produção artística uma super ferramenta pra lidar com as dificuldades que aparecem.

Uma das partes que pra mim mais se destacou do que o Neil disse foi que ele imaginava os objetivos dele como uma montanha, e procurava tomar as decisões de trabalho dele de modo a ficar mais próximo de chegar àquela montanha. Isso me colocou pra pensar na importância de ter objetivos o quanto antes, e se esforçar pra chegar neles.

As partes sobre como lidar com fracassos e com outras pessoas te dizendo o que fazer, tanto no discurso do Neil quanto da JK, também achei valiosíssimas. Infelizmente, tá aí uma mensagem que a gente precisa carregar: nem sempre o que a gente for fazer vai dar certo, mas isso não é motivo pra desistir diante de obstáculos.

Então, #partiu fazer boa arte?

informações

Título: Faça boa arte
Autor: Neil Gaiman
Número de Páginas: 80
Edição: 1ª, 2014
ISBN: 9788580574999
Editora: Intrínseca
Preço: R$ 14,90
Classificação: ★★★★★

Postagens Relacionadas:

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

CommentLuv badge