Cinema

Os Descendentes (2011)

Sinceramente, desde o começo de Os Descendentes eu fiquei me perguntando o porquê dele ter sido indicado a Melhor Filme e tudo o que posso dizer é: superestimado. Essa é uma palavra que descreve exatamente o que esse filme, dirigido por Alexander Payne é. Com roteiro baseado em livro com título homônimo de Kaui Hart Hemmings, nos conta a história de Matt King (George Clooney) um advogado muito ocupado que mal dá atenção para a família. Sendo que, de repente, ele se vê em um drama familiar quando sua esposa entra em coma, após um acidente de barco e ele tem que voltar a ser um bom pai para as filhas rebeldes, de 10 e 17 anos.

“Dê dinheiro aos seus filhos para que eles façam alguma coisa, e não para que não façam nada”

Toda a família de Matt é muito rica. Um casamento bem sucedido há alguns séculos atrás e eles herdaram o suficiente para não trabalhar mais. Sendo que muitos não souberam administrar o dinheiro e estão com fé de que Matt venda o enorme latifúndio, que ocupa uma belíssima área do Havaí, por uma boa quantia – estamos falando de bilhões de dólares aqui. E essa questão de família x dinheiro faz pensar sobre o que realmente nos faz feliz.

O roteiro é bem simples e despretensioso, mas que consegue emocionar com o realismo da relação dos personagens. Ele trata de problemas familiares de uma maneira que muitos irão se identificar. Tudo é bastante sutil e você fica imaginando se há alguma mensagem subliminar, além da que está implícita na tela.

Com mais de duas horas de duração, é um filme que pode ser considerado lento, porém todas as cenas foram bem inseridas e com o toque de humor criado, principalmente, por Sid (Nick Krause), ficou bem mais fácil de ir até o fim. Em minha opinião, a única coisa que falhou foi a trilha sonora havaiana, que chegava a irritar em certos momentos. Eu até digo que mesmo tendo um bom roteiro, o  filme peca por não ser muito diferente dos tantos que existem do gênero.

Alguém se lembra do pôster “Olha, o George Clooney sabe atuar”? De fato, Clooney se sobressai interpretando um homem comum, sendo uma pessoa normal igual a qualquer outro mortal que está com a vida de cabeça para baixo, por mim, ele pode ganhar o Oscar. Mas quem realmente surpreendeu foi Shailene Woodley, que interpreta Alexandra, a filha mais velha de Matt. Eu a conheço da série A Vida Secreta de Uma Adolescente Americana e não estava colocando muita fé em sua atuação. Só para vocês terem uma ideia, a melhor cena de todo o filme é dela.

Não posso afirmar se a adaptação foi ou não bem feita, porque não li o livro. Só sei que o filme consegue transmitir drama e sofrimento, principalmente no rostinho e nas atitudes da pequena Scottie (Amara Miller) <3 É sensível e bonito, mas não é o que todos dizem.

Ficha Técnica

Título Original: The Descendants
Direção: Alexander Payne
Elenco: George Clooney, Judy Greer, Shailene Woodley, Matthew Lillard, Beau Bridges, Robert Forster, Rob Huebel, Michael Ontkean, Mary Birdsong, Sonya Balmores, Amara Miller
Produção: Jim Burke, Alexander Payne, Jim Taylor
Roteiro: Alexander Payne, Nat Faxon, Jim Rash, baseados na obra de Kaui Hart Hemmings
Trilha Sonora: Derek Casari
Fotografia: Phedon Papamichael
Duração: 115 minutos
Ano: 2011
País de Origem: Estados Unidos da América
Gênero: Drama, Comédia
Classificação: ★★★½☆

You Might Also Like

13 Comments

  • Reply
    Who's thanny? » Blog Archive » Confira os indicados ao Oscar 2012!
    25/02/2012 at 6:23 pm

    […] Filme O Artista Os Descendentes Histórias Cruzadas Meia Noite em Paris O Homem que Mudou o Jogo A Invenção de Hugo Cabret […]

  • Reply
    Ágata Bresil
    25/02/2012 at 8:25 pm

    Você é uma verdadeira cinéfila. Admiro muito seus posts, o conteúdo, é incrível. Eu me sinto bem lendo porque eu sei que tem um bom olhar crítico, um olhar critico confiável. Eu ainda não assisti esse filme e não tive muita vontade, andei achando que a atuação da Shailene seria terrível, mas pelo o que você disse não é bem assim. Vou ter que assistir e descobrir.

    Beijos.

    • Reply
      thanny
      25/02/2012 at 8:51 pm

      Awn, obrigada <3 As críticas de filmes também são escritas pela Sam, Geo e Gi. E fico MUITO feliz de saber que você gosta e confia em nossa opinião. Fiquei chocada com a interpretação da Shailene, dá de mil a zero na série que ela faz. Assista, o filme é muito bom :D

      Beijos!

      • Reply
        thanny
        26/02/2012 at 6:31 pm

        Puxa, que tipo de editora chefe é essa que esquece da vice? A Byzinha também faz críticas de filmes! HAHAHAHA

  • Reply
    Sam
    25/02/2012 at 8:27 pm

    Ok, eu realmente to começando a acreditar que o Clooney fez um bom trabalho em Descendants. Quer dizer, eu sempre gostei da atuação dele. Mas putz, se ele ganhar o de Melhor Ator eu vou ficar muuuuuito chateada. Nada vai me tirar da cabeça que Gary Oldman é o que mais merece ali, e só to aceitando se ele perder pro Jean Dujardin. MAS ENFIM, gostei muito da sua resenha, Thanny! :3

    • Reply
      thanny
      25/02/2012 at 8:47 pm

      Também gosto muito do Clooney e foi interessante ver esse outro lado dele. Só sei que ele mereceu ser indicado, mas se o Oldman ganhar, não vou ficar triste HAHAHAHA Brigada, fiz correndo aqui, um dia pego o jeito :D

  • Reply
    Tharcila Lima
    25/02/2012 at 9:08 pm

    Acho o George Cloney maravilhoso. Desde que assisti 11 homens e um segredo, me apaixonei completamente
    Pelo que estou vendo este filme parece bastante com Pequena Miss Sunshine. Não esperávamos nada e ate nos perguntamos porque tanto estardalhaço com ele, mas quando você assiste suas perguntas são respondidas.
    Bela crítica
    Tharcila Lima recently posted..TopList – Paixonites LiteráriasMy Profile

  • Reply
    Byzinha
    26/02/2012 at 3:26 pm

    AH, Mas o Oscar de roteiro tem que ser do Dean! Jim Rash for the win!

  • Reply
    Juh Claro
    27/02/2012 at 2:00 pm

    Durante o Oscar o pessoal estava comentando que o George merecia o prêmio, mas não por esse filme. Quero assistir para tirar minhas conclusões, mas se você disse que ele é meio lento, tenho medo de dormir :/
    Eu gosto da Shailene e gostei de saber que ela se saiu muito bem, então vou assistir o filme por ela haha
    Eu gosto de músicas havaianas (Lilo & Stitch <3 tirando a parte do Elvis, né haha), será que é tão ruim assim a trilha? :( hahaha

    Beijo ;*
    Juh Claro recently posted..Promoção: 1 Feliz 2, 1000 e 12!My Profile

    • Reply
      thanny
      27/02/2012 at 2:03 pm

      Eu pensava que gostava de músicas havaianas até ver esse filme, sério HAHAHAHA Mas vai que você gosta, né? /smile
      Beijos!

  • Reply
    Carolina Duarte
    28/02/2012 at 11:37 pm

    Também conheço Shailene da série A Vida Secreta de Uma Adolescente Americana, e vou dizer viu: não aguentei assistir nem 5 episódios da série. É muuuito bobinha, por isso nao botei muita fé nela também. Mas todo mundo está falando MUITO bem do filme, estou até ansiosa pra assistir, rs.

  • Reply
    Breno Rodrigues
    29/02/2012 at 12:21 pm

    Assim que vi o pôster desse filme, no cinema, não bostei muita fé nele. Ainda não boto. Mas decidi que quero assisti-lo, afinal, ele está sendo tão… exaltado pela crítica. Tirarei minhas conclusões, espero que eu tenha o julgado errado. =/

    Abraços
    Breno Rodrigues recently posted..Resenha: Para sempreMy Profile

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge