Literatura

Cósmico, Frank Cottrell Boyce

Por Byzinha

Gravity is not a trivial monster.

Liam Digby, do alto de seus 1,80 e rosto barbado, não aparenta ser o garoto de 12 anos que é. É por isso que ele interpreta um gigante simpático nas aulas de teatro e finge ser pai da colega de turma, Florida Kirby, para poderem entrar em lojas nas quais crianças não costumam entrar sozinhas (como revistarias). Até que um dia essa brincadeira de fingir ser mais velho do que é (algo envolvendo um Porsche) não deu muito certo e Liam voltou a ser o mesmo garoto alto de mais de sempre, sem a companhia de Florida.

Até que, um dia, ele recebe uma ligação da DraxCom, uma empresa de telefones e GPS, falando que ele estava concorrendo a concorrer uma viagem para um novíssimo parque de diversões na China, achando que falava com o pai de Liam ao invés do menino de 12 anos. Dois problemas: 1) o pai de Liam não acreditou nessa bobeira de ganhar prêmio e descartou a ideia imediatamente e 2) ele precisaria convencer Florida a fingir ser filha dele novamente sendo que a. Florida o estava evitando e b. ela não poderia saber logo que eles estariam indo para a China.

Depois de muita trama e argumento, Liam e Florida embarcaram com mais outros três pais com seus respectivos filhos para esse misterioso parque de diversão só para descobrir que, na verdade, o lugar se tratava de uma base espacial para treinamento de crianças que tinha a intenção de levar os pequenos sorteados para dar uma volta na Lua.

Quero que meus filhos pensem no mundo como um grande parque de diversões.

Cósmico é divertido. Resolvi ler porque sim e me surpreendi. Eu não curtia uma literatura infantil assim desde Diário de um Banana (que saiu o filme 3, caso vocês não saibam, corrão!). O humor britânico de Frank Boyce – discreto, sensível, mas muito presente – encanta e é impossível não se relacionar com os personagens.

Narrado no ponto de vista de Liam, ele pondera entre a inocência natural de criança e a necessidade de amadurecer cedo para fingir ser um adulto de cerca de 30 anos. Tudo é muito puro e os personagens são bem desenvolvidos, principalmente a conexão entre Florida e Liam me fazendo shippar os dois totalmente, mesmo que não tivesse romance pelo amor de Deus, eles têm 12 anos e a diferença que Liam faz na vida das outras crianças – um gênio, um pequeno visionário e um filho mimado que nunca realmente se divertiram~~.

Delicado, bem humorado e agradável, nós acompanhamos a história de como um garoto conseguiu fingir ter 30 anos, ir para a China, dar um rolé de foguete, passar por muitos apuros e sobreviver para contar a história.

There are more stars than there are people. Billions, Alan had said, and millions of them might have planets just as good as ours. Ever since I can remember, I’ve felt too big. But now I felt small. Too small. Too small to count. Every star is massive, but there are so many of them. How could anyone care about one star when there were so many spare? And what if stars were small? What if all the stars were just pixels? And earth was less than a pixel? What does that make us? And what does that make me? Not even dust. I felt tiny. For the first time in my life I felt too small.

Se você quer uma leitura gostosa de fim de tarde, manda bala.

INFORMAÇÕES

 

Título: Cósmico
Autor: Frank Cottrell Boyce
Número de Páginas: 336
Edição: 1ª – 2012
Editora: Seguinte
Preço: R$34,90
Classificação: ★★★★★

Postagens Relacionadas:

You Might Also Like

5 Comments

  • Reply
    Ceile
    January 8, 2013 at 11:47 am

    Olha, By, confesso que tá bem difícil pra mim imaginar um menino de 12 anos “adulto” deste jeito, conseguindo se passar por um pai o_O

    Mas imagino que o livro seja mesmo uma delícia de ler – justamente pela inocência das crianças e toda esta viagem do parque de diversões que na verdade é uma voltinha pra Lua haha.

    Beijo!

  • Reply
    Gabi
    January 8, 2013 at 5:03 pm

    Nhoow, que gracinha! Me encantei *-*
    Também me diverti muito lendo Diário de um Banana, apear de não ter visto o filme. Vou ler esse com certeza!

    Beijitos
    Gabi recently posted..Feliz Dia do Leitor!My Profile

  • Reply
    Raíssa
    January 11, 2013 at 1:33 pm

    Achei a história bem inusitada e parece ser bastante divertido mesmo! :D Vou procurar (*anotando na listinha*)

    Mano, que bom saber que eu não sou a única loca de vinte e poucos anos que gosta de “Diário de um Banana”. Tento falar pra todo mundo que esse livro e sensacional, mas ninguém acredita, #chatiada.

    bjão!
    Raíssa recently posted..Sede de Sangue (2009)My Profile

  • Reply
    Patricia Lima
    January 20, 2013 at 3:00 am

    Esse livro parece ser a coisa mais fofa, e fiquei muito curiosa pra ler. /blink

  • Reply
    Vote agora nos Destaques Literários! - Who's thanny?
    April 14, 2015 at 11:48 am

    […] Cósmico, Frank Cottrell Boyce […]

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge