Literatura

Coração Ardente (Bloodlines #4), Richelle Mead

Coração Ardente é o quarto volume da série Bloodlines, o spin-off de Vampire Academy da autora Richelle Mead, que acompanha a alquimista Sydney Sage em sua jornada tanto por autoconhecimento quanto por mudança e proteção. Infelizmente, Bloodlines, para mim, nunca chegou a ser tão eletrizante e envolvente quanto VA, o que já me fez ler esse livro com uma preguiça enorme. Não sei, há algum tempo que a escrita de Mead não vem me envolvendo nem fascinando como antes, além do ritmo da narrativa de Sage ser muito mais lento.

DSC09243fotinha daqui

Sydney Sage e Adrian Ivashkov finalmente estão juntos, mas seu romance é proibido, visto que os Alquimistas encaram como abominação todas as criaturas da noite. Além de também estar conhecendo a magia em seu sangue, Sydney ainda é responsável pela proteção de Jill Dragomir e mais uma dificuldade aparece em seu caminho: Zoe, sua irmã mais nova, foi convocada para acompanhá-la na missão e, se tem algo que Zoe é, é fiel aos ideais alquimistas.

E irritante e mimada e detestável.

A novidade são os capítulos narrados pelo Adrian, que deram um ar mais fresco à série, possibilitando que conhecêssemos muito melhor esse personagem que está conosco desde o segundo livro de VA. Realmente, seus capítulos eram muito mais deliciosos de ler, principalmente porque, em determinado momento, Adrian volta à corte Moroi e revemos vários personagens dos quais sentimos tanta saudades. O resto, bem… todos os livros de Bloodlines continham muita pouca ação, esse, ainda, piorou. Como Adrian e Sydney finalmente estavam começando o relacionamento, o romance foi o que dominou várias das páginas dos livros e eu não poderia encarar cada viradinha de folha com enfado.

Eu até gosto de romance, mas, meu Deus, vamos parar.

A impressão que dá é que simplesmente não há história. Só romance, romance, Zoe sendo uma pentelha, romance, personagens secundários sendo negligenciados ao máximo, muito mais do que já eram e, opa, mais um pouquinho de romance e pentelhice da Zoe.

Pra ser honesta, eu já esperava isso. Bloodlines vem me decepcionando desde o segundo livro, mais ou menos, pois sempre, sempre é nas últimas 100 páginas que a história parece começar a se movimentar e nesse, bem, nem isso.

E eu não consigo nem falar o quanto me irritam histórias que misturam vampirismo com magia. O universo de Vampire Academy, na minha opinião, já era bastante rico sem o elemento de feitiçaria e eu nunca consegui engolir essas histórias que misturam tanta coisa.

É, eu realmente não gostei desse livro. Vindo de um universo que eu tanto amava e idolatrava, fico até culpada em dizer isso, mas… parece que Richelle Mead perdeu a mão.

informações

Cortesia da editora para resenha
Título: Coração Ardente (Bloodlines #4)
Autor: Richelle Mead
Número de Páginas: 416
Edição: 1ª edição/2014
ISBN: 9788565765442
Editora: Seguinte
Preço: R$34,90
Classificação: ★★½☆☆

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply
    Jessica Lisboa
    30/01/2016 at 8:28 am

    Adoro as resenhas daqui, LOL. Bem como eu nunca tive interesse nesta série não sei opinar muito (muito menos algo da autora), mas, vamos combinar que pelo o que eu li na resenha vou concordar com você, a autora esta perdendo o molejo da coisa.

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge