Literatura

A Revolução dos Bichos, George Orwell

Por Byzinha

Uma das promessas que fiz para mim mesma desde o ano passado foi ler mais clássicos. Não funcionou com Jane Austen, mas deu certo quando coloquei as mãos na minha cópia de On the Road. Desde então, li uma meia dúzia de livros que mudaram gerações (meu preferido continua sendo Laranja Mecânica) e o último a entrar na lista foi nenhum menos que Animal Farm, de George Orwell, vindo para o Brasil pelo selo da Companhia das Letras sob o nome “A Revolução dos Bichos”.

No one believes more firmly than Comrade Napoleon that all animals are equal. He would be only too happy to let you make your decisions for yourselves. But sometimes you might make the wrong decisions, comrades, and then where should we be?

animal farm

Nessa obra de Orwell, somos apresentados a uma granja cujos bichos armam uma revolução sob comando dos porcos e expulsam os humanos e têm plena certeza que podem lidar com a granja por si só.

Ora, como toda boa revolução, essa foi encabeçada por um porquinho inteligente e bem intencionado chamado Bola-de-Neve, mas, como toda boa revolução, foi traído por um porquinho dissimulado chamado Napoleão, expulso, taxado como traidor e, com a pouca memória dos outros bichos além de não serem propriamente alfabetizados, isso não se torna difícil.

A partir de então, as boas ideias de Bola-de-Neve, que seriam usados em favor de todos os bichos com um princípio de igualdade, são usadas por Napoleão em prol apenas dos porcos e seus cães de guarda. Os animais da granja se veem cada dia mais magros, com menos ração e mais horas de trabalho, enquanto os porcos estão cada dia mais gordos e exigindo mais trabalho. Mas eles não conseguem lembrar como era antes, com seus donos humanos, então eles supõem que a vida está melhor.

Several of them would have protested if they could have found the right arguments.

A Revolução dos Bichos foi publicado na década de 40 como uma crítica ao governo Stalin, com a intenção, indeed, de causar discórdia. É um livro muito consciente, assim como seu autor, e chama a atenção, deixando de lado a crítica política, principalmente por duas coisas: é incrivelmente fácil de ler e definitivamente atual.

Ele é um livro que te dá raiva, mas que você não consegue parar de ler, porque, afinal, é tão curto que nem faz sentido parar pela metade. Você torce até o final para que os porcos corruptos se deem mal e, mais que isso, se incomoda por tudo que o livro conta ser tão exatamente o que acontece hoje em dia ao redor do mundo.

É interessante e astuto. Não é a toa que os livros de George Orwell estão vivos há gerações. O cara sabia do que estava falando e não teve medo de falar. Ele escreveu para a década de 40 e de 90, para o século XX e XXI e, se o mundo continuar como está, para muitos outros séculos por vir.

informações

 

Título: A Revolução dos Bichos
Autor: George Orwell
Número de Páginas: 152
Edição: 1ª – 2007
Editora: Companhia das Letras
Preço: R$ 26,00
Classificação: ★★★★½

You Might Also Like

6 Comments

  • Reply
    Larissa
    07/05/2013 at 6:54 pm

    Li esse livro pela primeira vez na 8ª série, desde lá já li mais umas 3/4 vezes. Até quem não conhece ou estuda história pode gostar desse livro, pq apesar de ser uma critica clara ao governo soviético, é uma história envolvente e de leitura fácil. É muito interessante ver como cada animal representa a posição das classes sociais da época.
    Acho legal de ver como o poder muda cada personagem, uns continuam com seus princípios, outros mudam de discurso e atitude quando ganham aquilo que querem.

    Parabéns pelo Blog!

  • Reply
    Aline T.K.M.
    08/05/2013 at 1:58 am

    Ótima resenha; estou com este livro há uns meses e pretendo lê-lo assim que possível. Nunca li nada do Orwell, mas tenho também o 1984, e minha vontade de lê-lo vem lá dos tempos da faculdade, quando ouvia muito o nome do autor nas aulas de sociologia.

    Bjs, Livro Lab
    Aline T.K.M. recently posted..A Importância de Ser Prudente [Oscar Wilde]My Profile

  • Reply
    Cássia
    08/05/2013 at 3:46 pm

    Já tinha ouvido sobre essa obra, e fiquei bem interessada depois de ler seus comentários. /blink
    Cássia recently posted..Como fazer um cadastro no Google Apps – DomínioMy Profile

  • Reply
    Drielle
    08/05/2013 at 5:38 pm

    Também fiz essa promessa de ler mais clássicos esse ano. Até agora, só li “Na pior em Paris e Londres” do Orwell e “Apanhador no Campo de Centeio” do J.D. Salinger

  • Reply
    Sam
    10/05/2013 at 2:01 am

    Dois antigos professores meus indicaram esse livro e até hoje não tomei vergonha na cara pra ler, olha que maravilha. Mas ainda to cagando de medo dos ~~clássicos, vamos ver se um dia essa fobia passa D:

  • Reply
    andreza sl
    04/06/2013 at 12:51 pm

    eu sempre tive interesse em ler esse livro, mas depois de ler a resenha, quero ler o quanto antes!

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge