Cinema

Drive (2011)

If I drive for you, you get your money. You tell me where we start, where we’re going, where we’re going afterwards. I give you five minutes when we get there. Anything happens in that five minutes and I’m yours. No matter what. Anything a minute on either side of that and you’re on your own. I don’t sit in while you’re running it down. I don’t carry a gun. I drive.

Pense num filme totalmente bom. Um filme que, logo na primeira cena, te conquista e te faz pensar “Whoa, esse troço é ótimo”. Um filme perfeito, que tem fotografia impecável, elenco entregando atuações maravilhosas, roteiro brilhante e execução incrível, e que a cada minuto te prende mais e mais na trama. E, pasmem, não estou falando de O Cavaleiro das Trevas Ressurge ou de algum outro filme do Christopher Nolan. Não. Senhoras e senhores, eu vos apresento Drive.

Baseado no livro de James Sallis, a obra do diretor Nicolas Winding Refn mostra as reviravoltas na vida de um homem que trabalha como dublê de filmes, mecânico e motorista de aluguel para assaltantes. Esse personagem, interpretado por Ryan Gosling, não tem nome citado, e é misterioso, quase não fala, e não se sabe nada sobre a vida dele. Quando se muda para um novo apartamento, ele conhece sua vizinha Irene (Carey Mulligan), cujo marido tem pendências com mafiosos. Driver tenta ajudá-lo, mas as coisas dão errado e agora ele precisa cometer alguns crimes para salvar a vida da esposa do cara.

O amor já começa com a trilha sonora. Sabe o conceito de eargasm? Então. O clima meio anos 80 é ótimo, e os ouvidos sangram de felicidade com tanta música boa. Cliff Martinez soube bem o que fazer na score, sem exagerar nos momentos de tensão e sem forçar a barra no negócio. E as músicas “cantadas” são outras maravilhas da vida. God. Bless. A+++++++++++ eternamente.

E Ryan Gosling, OH, RYAN GOSLING. Como esse cara sabe atuar, hein? É absurdo que a porcaria da Academia do Oscar tenha ignorado completamente a interpretação forte e impecável do personagem que nem tem nome. E eu digo isso como uma pessoa que não conhece muito bem o trabalho do moço. Ryan compôs um personagem misterioso em todos os sentidos, você não sabe o que ele está pensando ou qual é sua procedência, mas ainda assim você não pode deixar de amá-lo. Talvez seja pelo relacionamento que o Driver acaba construindo com Irene, ou o apego que ele tem pelo filho dela, ou o senso de proteção que ele tem por ambos. Parece estranho, no primeiro momento, aquele homem sério e quieto sendo simpático e até fofo (não numa forma broxante), mas é parte do desenvolvimento do filme e do personagem e é lindo. E, hey, o rosto, o corpo, a mala, e os braços do Gosling são tão bons quanto sua atuação, ENTÃÃÃÃÃO.

Carey Mulligan… Oh, boy, me pergunto se um dia ela vai atuar mal. Ela fez de novo, entregou uma personagem não muito incrível, mas tocante, simpática, e você torce por ela no fim. Irene é, no mínimo, interessante. E isso é bacana. Ron Perlman, eterno Hellboy (<3), é, desculpem o termo, fodástico, e mesmo que seja um bosta é relativamente engraçado. Christina Hendricks é uma linda, Oscar Isaac consegue ser um amor mesmo com um personagem não lá muito gostável, Albert Brooks sambou na cara da sociedade sendo detestável, e Bryan Cranston… não sou digna de comentar sobre Bryan Cranston. Basicamente o elenco soube o que fazer, trabalhou perfeitamente bem e todos merecem ser ovacionados.

daora a vida olhando esses braços com graxa, super daora

A fotografia é, sem dúvidas, um dos pontos altos do longa. É até difícil de explicar. É de uma beleza única, tanto nas cenas externas quanto nas internas. O roteiro bem executado é uma glória, prendendo a atenção e te envolvendo na trama com suas viradas inesperadas. Entre cenas ótimas de ação, muito sangue e muita violência, vistas da cidade e Ryan Gosling sendo lindo, se entende bem o por que de tanto amor para com o filme.

Conclusão: ASSISTA DRIVE. É, sim, um filme cinco estrelas, mereceu todo o barulho que fez na época de estreia, é ovacionado compreensivelmente, é isso. Claro, não vai agradar todo mundo, principalmente porque é um longa neo-noir e não-comercial (ou seja, se você está esperando um filme de porrada, porrada, porrada e ação, esqueça). Mas quem se agradar vai ficar apaixonado para todo o sempre, amém. Tem Selo Sam de Qualidade, então me faça o favor de ir conferir essa maravilha cinematográfica.

P.s.: A ÚNICA indicação que Drive levou no Oscar foi de “Edição de Som”. Excuse me while eu vou lá dar uma voadora no bando de velho que manda naquela maldita Academia.

P.p.s.: Quem quiser me dar uma jaqueta igual a do Driver de presente, eu aceito. :3

ficha técnica

Direção: Nicolas Winding Refn
Elenco: Ryan Gosling, Carey Mulligan, Bryan Cranston, Oscar Isaac, Albert Brooks, Ron Perlman, Christina Hendricks
Roteiro: Hossein Amini
Trilha Sonora: Cliff Martinez
Duração: 100 min.
País: EUA
Gênero: Crime, Drama
Classificação: ★★★★★

You Might Also Like

6 Comments

  • Reply
    Paty
    10/08/2012 at 6:04 pm

    eu li Ryan Gosling e pensei…”ok…teho que ver esse”…tudo o mais que vc comentou foi só a cereja do delicioso bolo de Ryan Gosling. hahahahaha
    Paty recently posted..Resenha – O TravestiMy Profile

  • Reply
    jeniffer haddad
    11/08/2012 at 4:09 pm

    Ainda não vi esse filme, quando olhei o trailer não me interessei por que muitas das vezes quando o trailer é fantástico o filme é ruim.Mas já que você falou que o filme é bom, vou procura-lo por aqui :D

  • Reply
    Ane Reis
    12/08/2012 at 11:30 pm

    Oie Sam =D

    Nunca tinha ouvido falar deste filme O.O
    Ele parece ser muito bom por tudo que você destacou no post. Fiquei bastante curiosa para assistir.

    Obrigada pela dica /smile

    bjus;***

    anereis.
    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary
    Ane Reis recently posted..Jogos Vorazes por Suzanne Collins.My Profile

  • Reply
    Maria Fernanda
    13/08/2012 at 12:42 am

    Não conhecia esse filme ainda, mas me pareceu bem interessante. Vou assisitir! =D
    Maria Fernanda recently posted..Wreck this journal – Parte 2, a destruição continuaMy Profile

  • Reply
    Carla :)
    13/08/2012 at 1:39 pm

    Vc me fez assistir e eu n me decepcionei!

  • Reply
    leticiainthesky
    15/08/2012 at 12:31 am

    Tem a carey então é um filme QUALITY.
    afhlkasjdfas :)

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge